Para ser cada vez mais forte e atuante, SIMPE lança campanha inovadora de filiação

0
71
banner (1)

O SIMPE-RS apresentou – e foi aprovada pelos trabalhadores presentes à assembleia do dia 8 de fevereiro último – uma nova campanha de sindicalização. O objetivo é aumentar o número de associados à entidade, que hoje tem cerca de 550 servidores sindicalizados, de um total de cerca de 2000 que integram a categoria, chegando, pelo menos a mil associados. A sindicalização é uma forma de garantir o funcionamento do Sindicato frente a Lei do governador Sartori, aprovada pela Assembleia Legislativa em 2017, que limita à liberação de três dirigentes sindicais para entidades com menos de mil associados. Esta medida governamental tem o claro intuito de fragilizar a luta dos servidores, que estão entre as principais categorias a resistir, denunciar e promover mobilizações contra os desmandos do Sartori.

É, também, necessária à manutenção financeira do Sindicato, uma vez que a reforma trabalhista do Temer aprovada ano passado trouxe profundas alterações nas entidades sindicais, com o fim do imposto sindical, mas não propôs qualquer alternativa a manutenção das entidades.

Segundo o presidente do Sindicato, Alberto Ledur, “a meta é chegar aos mil sindicalizados e com isso, garantir a autonomia financeira do sindicato e a possibilidade de mais um diretor liberado para atuar na entidade sindical”. Para ele, é impossível dar andamento a todas as demandas da categoria, que tem uma base estadual, e garantir o funcionamento do Sindicato com apenas três dirigentes liberados. Ele lembra que hoje está liberado pela Fenamp, mas esta é uma situação provisória, uma vez que, como se trata de uma entidade nacional com 22 sindicatos filiados, com processo eleitoral autônomo e distinto. “Precisamos aumentar o número de sindicalizados para garantir a sobrevivência da entidade e fortalecer sua atuação”, diz ele, lembrando que os membros imediatamente que entram no MP se filiam a sua entidade.

Para incentivar a sindicalização, foram aprovados, na assembleia, quatro encaminhamentos:

1) PROGRAMA DE REDUÇÃO DE MENSALIDADES – a lógica é do quanto mais sindicalizados, menor a mensalidade. Assim, a cada 25 novas filiações, haverá uma redução percentual da mensalidade, conforme tabela abaixo. Caso o número de filiados reduza, a mensalidade volta ao patamar anterior. Veja tabela a seguir:

2) BONIFICAÇÃO POR INDICAÇÃO DE SÓCIO – a ideia é que cada trabalhador sindicalizado seja um multiplicador no convencimento sobre a importância da sindicalização e da necessidade de filiação às entidades que representam os servidores do MPRS. Cada associado que conseguir uma filiação terá, como incentivo, um desconto de R$ 50,00 no valor da mensalidade do mês subsequente ao da adesão do novo associado ou poderá optar por ganhar uma camiseta Polo das entidades.

3) BONIFICAÇÃO POR AUMENTO DE FILIAÇÃO POR LOCAL DE TRABALHO – a assembleia aprovou, ainda, uma premiação ao local de trabalho que ampliar seu percentual de associados. A promotoria receberá R$ 50,00 por cada novo associado para ser utilizado em ações coletivas, como confraternização, a ser realizada a partir do mês de outubro deste ano.

4) SORTEIO DE PACOTE DE FÉRIAS – o SIMPE-RS irá sortear, entre todos os sindicalizados, um pacote de férias para o final de ano em destino ainda a ser definido, entre os servidores de promotorias e/ou unidades que conseguirem 100% de sindicalização.

Assessoria de Comunicação