Sancionada Lei do Orçamento da União para 2020 — Senado Notícias

-

Está publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira, 20, a Lei 13.978, que estima a receita e fixa a despesa da União para o exercício financeiro de 2020. Sancionado sem vetos pelo presidente Jair Bolsonaro, o texto-base é oriundo do PLN 22/2019, aprovado pelo Congresso em 17 de dezembro.

A norma prevê R$ 2 bilhões para o Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), a ser utilizado nas eleições municipais de outubro. Este valor foi proposto pelo governo em novembro passado. A receita da União está estimada em mais de R$ 3 trilhões e a despesa é fixada em igual montante. A seguridade social terá recursos da ordem de mais de R$ 1,189 trilhão. Para o refinanciamento da dívida pública federal são destinados mais de R$ 917 bilhões.

Em 2020, o governo voltará a pedir autorização do Congresso para descumprir a chamada “regra de ouro” — quando o governo utiliza títulos públicos para financiar despesas correntes. Será preciso emitir R$ 343,6 bilhões em títulos públicos para quitar gastos correntes. Em 2019, foram R$ 248,9 bilhões. Os recursos obtidos com a venda dos títulos financiarão, principalmente, despesas com benefícios previdenciários (R$ 213,7 bilhões) e funcionalismo público (R$ 84,4 bilhões).

A lei orçamentária foi sancionada com R$ 18,4 bilhões em emendas parlamentares, dos quais R$ 15,4 bilhões são impositivas, ou seja, de execução obrigatória.

Com informações da Agência Câmara Notícias

Fonte: Agência Senado

Últimas

Rio de Janeiro: Fórum Permanentemente dos Servidores Públicos convoca manifestação contra a Reforma Administrativa para quarta-feira (23)

O Fórum Permanentemente dos Servidores Públicos do Rio de Janeiro (FOSPERJ) convocou duas manifestações contra a Reforma...

CE – Sinsempece solicita urgência em reforço de medidas para proteger servidores que atuam presencialmente

Sinsempece solicita urgência em reforço de medidas para proteger servidores que atuam presencialmenteNa sexta-feira, 4 de setembro, o Sindicato dos Servidores do Ministério Público do Estado do Ceará (Sinsempece) ratificou todos os requerimentos anteriores sobre o não cumprimento das regras de distanciamento e falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs). O pedido foi feito por…

MP aciona município de Quirinópolis para suspender pagamento indevido de benefícios a comissionados

Você está aqui: Página Principal >> Notícia17/09/2020 - 09h52 - Patrimônio público MP aponta prejuízos por pagamentos indevidosO Ministério Público de Goiás (MP-GO), em ação civil pública proposta pelo promotor de Justiça Augusto César Borges Souza, titular da 3ª Promotoria de Justiça de Quirinópolis, questiona o pagamento irregular de gratificações de representação a servidores públicos…

MG – Reforma de Guedes preserva supersalários e arrocha servidor que ganha menos

Empenhado nos últimos tempos em tocar a reforma administrativa, o ministro da Economia, Paulo Guedes, tem usado uma estranha matemática para construir sua proposta. Defende com unhas e dentes os supersalários, ao mesmo tempo em que propõe redução de remuneração e direitos dos servidores que estão na base da pirâmide.Se levarmos em conta que um…

Unifor integra projeto de transformação digital no Ministério Público do Estado do Ceará

Iniciativa é fruto de parceria do Ministério Público com o Programa Cientista-Chefe, da Funcap, do qual a Unifor é integrante. A partir de big data e de soluções com inteligência artificial, o projeto visa trazer mais eficiência e precisão nas investigações e demais atividades do MPCE. (Foto: Getty Images) Equipe de pesquisadores em Inteligência Artificial…

MG – Live do SINDSEMPMG esclarece principais pontos da Reforma da Previdência

Na oportunidade, servidores puderam tirar dúvidas e interagir com os consultores jurídicos do SindicatoO SINDSEMPMG realizou, nesta segunda-feira (14/09), uma Live para elucidar os principais pontos da Reforma da Previdência estadual.A transmissão ao vivo contou com a participação dos consultores jurídicos do Sindicato: Dr. Leonardo Militão, mestre em Direito Público, e Dr. Abelardo Sapucaia, especialista…

Mais Lidas

Você tambám vai se interessarRelacionado
Para você