MG – 2020 – A luta permanece

Período promete intensa batalha contra a perda de direitos e destravamento da pauta de reivindicação

2019 foi um ano de muitas lutas e poucos avanços. A conjuntura nacional e os intensos ataques aos servidores públicos dificultaram o andamento dos pleitos. A palavra de ordem foi defesa, uma das principais formas de combate do SINDSEMPMG foi tentar manter os direitos da categoria.

Inúmeros projetos do governo foram criados com o intuito de reduzir e até mesmo extinguir direitos adquiridos há décadas, precarizando o serviço público e desmotivando o trabalhador.

Alguns pleitos conseguiram avançar um pouco como foi o caso da carreira que, apesar de ainda estar estagnada em 2019, teve um pequeno progresso e fechou as promoções horizontais atrasadas de 2018 e as verticais até abril.

O ano novo chegou e com ele se inicia a permanência pela manutenção de direitos e destravamento da pauta de reivindicações. Uma das principais lutas será o envio do projeto de lei das datas-bases 2018/2019. O SINDSEMPMG vai cobrar intensamente o compromisso firmado pelo procurador-geral de Justiça. A falta de recomposição salarial está quase completando três anos contrariando a lei que determina seu reajuste de forma anual.

Como salientado na última reunião com a Administração Superior, parte das remoções devem ter suas publicações agora no primeiro trimestre. Quanto à carreira, o sindicato vai continuar batalhando para que as promoções e progressões se estabilizem.

Toda essa luta precisará da massiva participação dos servidores. Manifestações e atos públicos demandam presença e união da categoria para ter efetividade. Por isso, fique atento as convocações – principalmente as Assembleias Gerais Extraordinárias (AGE) que delibaram quais serão os passos tomados pelo SINDSEMPMG e quais demandas merecem maior atenção.

Faça de 2020 um ano de vitórias. Lute conosco!

Fonte: Assessoria de Comunicação do SINDSEMPMG

banner (1)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here