MG – Nova reunião com o PGJ é requerida via ofício

-

Agendamento de encontro é urgente devido ao atraso demasiadamente longo de certas pautas

Foi encaminhado no último dia 18, ofício para o procurador-geral de Justiça, Antônio Sérgio Tonet, requerendo nova reunião com a Administração Superior para tratar das demandas dos servidores do Ministério Público.

O último encontro foi realizado em abril deste ano onde alguns pleitos da pauta de reivindicações receberam retorno e previsões. No entanto, muitas demandas ainda carecem de resposta e estão com prazos expirados.

No documento o SINDSEMPMG considera todos os pleitos que se encontram em inércia ou sem respostas e solicita, com a celeridade que a situação requer, a abertura de diálogo para que seja estabelecido algum acordo. As perdas inflacionárias e desgastes já têm se prolongado por mais de um ano. Fato inédito na história do MPMG.

O sindicato também salienta no texto a recente decisão do órgão em abrir concurso para promotores de Justiça em meio a grave crise que assola o país e a falta de recursos da entidade, segundo fora informado pela própria Administração Superior.

Assim que obtiver retorno acerca do agendamento, o SINDSEMPMG irá comunicar a toda a categoria. Para não perder informações importantes sobre sua carreira, fique sempre atento aos canais oficiais de comunicação do sindicato.

Fonte: Assessoria de Comunicação do SINDSEMPMG

Últimas

Entidades filiadas à FENAMP e à ANSEMP irão distribuir 8,9 mil cartilhas sobre “Prevenção e Enfrentamento ao Assédio Moral e Sexual”

A FENAMP e a ANSEMP, juntamente com suas entidades de base filiadas, realizaram a impressão de 8,9...

Saiu da Mídia: Movimento a Serviço do Brasil lança manifesto por uma reforma administrativa e por uma PEC emergencial que otimizem o Estado

O Blog do Servidor, do jornal Correio Braziliense repercutiu a nota do Movimento a Serviço do Brasil...

O impacto da Reforma Administrativa para os atuais servidores públicos

O 14º Estudo Técnico publicado pela Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público (Servir Brasil) traz informações e revelações relevantes para o debate sobre a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 32/2020. A emenda altera disposições da carta magna que versam sobre servidores, empregados públicos e organização administrativa.

Servir Brasil e Frente da Reforma Administrativa debatem PEC-32 em live

Os deputados federais Professor Israel Batista (PV/DF) e Tiago Mitraud (Novo/MG), presidentes das frentes parlamentares mistas em Defesa do Serviço Público (Servir Brasil) e da Reforma Administrativa, respectivamente, vão participar de uma live nesta quinta (03), às 15h. As duas frentes parlamentares têm pontos de vistas distintos em relação à Proposta de Emenda Constitucional (PEC).

Mais Lidas

Você tambám vai se interessarRelacionado
Para você