PB – SINDSEMP se reúne com procurador-geral e dá continuidade às negociações coletivas 2019

-

A direção do Sindicato dos Servidores do Ministério Público da Paraíba (SINDSEMP-PB) foi recebida, nesta sexta-feira (5), pelo procurador-geral de Justiça, Francisco Seráphico da Nóbrega Filho, para dar continuidade às negociações coletivas da categoria.

De acordo com o presidente do sindicato, Daniel Guerra, o procurador revelou que ainda não foi possível atender os pleitos que resultem em impacto econômico para a instituição, dado a realidade financeira vivida por conta do congelamento do orçamento do Ministério Público.

Daniel Guerra disse que apesar do impasse persistir, a administração superior vem buscando meios junto ao poder executivo de viabilizar uma solução para o caso.
Daniel disse também que o procurador renovou a intenção de cumprir integralmente o PCCR da categoria, garantindo o pagamento das progressões e a data-base.

Sobre a implantação do teletrabalho, Daniel disse que o edital deve ser publicado até o final do mês para, de uma vez por todas, virar realidade.
Outras duas demandas – o banco de horas e o Programa de Aposentadoria Incentivada (PAI) – também foram discutidos . O banco de horas, por exemplo, conta com a concordância do procurador- geral para a reformulação do ato de visando permitir a concretização desta iniciativa. A expectativa é que na próxima semana o texto seja finalizado.
Daniel avaliou o encontro, e disse que o procurador-geral tem sido bastante franco em expor as condições enfrentadas, reiterando, inclusive, o compromisso de cumprir com o nosso PCCR, particularmente no tocante às progressões e data-base, além de estar dando encaminhamento a outros pleitos acessórios, o que é bastante positivo”, afirmou.

Para ele, apesar das sinalizações, “não deixa de ser frustrante o fato de estarmos já no mês de abril, sem uma definição quanto a essas questões. Vamos levar essa discussão aos servidores para avaliarmos em conjunto em Assembléia”, disse.

O coordenador executivo da Fenamp, Aloysio Carneiro Júnior, a reunião foi positiva para a categoria. Ele lembrou que foi possível avançar na pauta de reivindicações com o Procurador Geral de Justiça. “As negociações estão avançando entre o sindicato e a administração superior, a depender apenas de ajuste orçamentário e negociação entre o Ministério Publico e o Governo do Estado para enfim ser viabilizado a implantação”, finalizou.

Últimas

FENAMP participa de reunião com líder Frente Parlamentar Mista da Reforma Administrativa

A FENAMP e a ANSEMP participaram, na quarta-feira (21), de reunião com o líder Frente Parlamentar Mista...

Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público apresenta pedido de suspensão da tramitação da PEC 32/2020

A Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público (Servir Brasil) protocolou, na noite de quarta-feira (21),...

Em ação com outdoors, SINDSEMP-SE dá visibilidade na luta contra Reforma Administrativa

O SINDSEMP-SE está empenhado na campanha de informação sobre os malefícios da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 32/2020,...

Frente Servir Brasil cobra divulgação de dados que governo federal usou para Reforma Administrativa

Os parlamentares da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público (Servir Brasil) protocolaram, na noite desta quarta-feira (21/10), um mandado de segurança que solicita ao Ministério da Economia abertura de dados que deram suporte à PEC 32/2020, conhecida como a Reforma Administrativa.

Mais Lidas

- Advertisement -

Você tambám vai se interessarRelacionado
Para você