RIO GRANDE DO NORTE: Servidores do Ministério Público do RN reivindicam pagamento da data-base

-

Em ato na quinta-feira (9), na Procuradoria Geral de Justiça, servidores  e representantes do Sindicato dos Servidores do Ministério Público do Rio Grande do Norte protestaram contra a data-base de 2016 que ainda não foi cumprida pelo Procurador-Geral de Justiça, Rinaldo Reis.

As perdas salariais já totalizam mais de 12%. O Sindsemp-RN conseguiu uma audiência com o PGJ para o dia 21 deste mês com o objetivo de negociar o restante da data-base de 2015 (3,56%) e a de 2016 (8,97%). No acumulado, ainda não há perspectiva do que será feito para 2017.

Para o secretário-geral do Sindsemp, Aldo Clemente, “essa é uma afronta à Lei Complementar 425/2010 e um descaso com todos os servidores do Ministério Público Potiguar”, destacou.

Assessoria de Comunicação

09/02/2017 20:36:00

Últimas

FENAMP participa de reunião com líder Frente Parlamentar Mista da Reforma Administrativa

A FENAMP e a ANSEMP participaram, na quarta-feira (21), de reunião com o líder Frente Parlamentar Mista...

Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público apresenta pedido de suspensão da tramitação da PEC 32/2020

A Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público (Servir Brasil) protocolou, na noite de quarta-feira (21),...

Em ação com outdoors, SINDSEMP-SE dá visibilidade na luta contra Reforma Administrativa

O SINDSEMP-SE está empenhado na campanha de informação sobre os malefícios da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 32/2020,...

Frente Servir Brasil cobra divulgação de dados que governo federal usou para Reforma Administrativa

Os parlamentares da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público (Servir Brasil) protocolaram, na noite desta quarta-feira (21/10), um mandado de segurança que solicita ao Ministério da Economia abertura de dados que deram suporte à PEC 32/2020, conhecida como a Reforma Administrativa.

Mais Lidas

- Advertisement -

Você tambám vai se interessarRelacionado
Para você