Marca da FENAMP será definida pelos servidores

-

Servidores poderão participar e contribuir para escolher a marca da Federação entre os dias 7 e 15 de junho, através dos canais de comunicação da entidade.

A recém criada Federação Nacional dos Servidores do MP (FENAMP) , dentro de sua proposta de participação e democratização da instituição dá, ela mesmo, uma demonstração de que este princípio irá nortear cada uma de suas ações.

A entidade disponibilizará no seu site e no facebook as propostas de marca da Federação para serem definidas pelos servidores desde suas bases em nível nacional. A proposta que for escolhida pela maioria é a que será adotada pela entidade.

O período de votação iniciará dia 7 e se estenderá até o dia 15 de junho. Para votar e ajudar a escolher a marca, a partir do desta data, acesse os links www.facebook.com/fenamp e www.fenamp.org.br, e ainda, pelo link disponível no email dos servidores.

A criação da FENAMP foi oficializada durante o 1º Seminário Nacional em Defesa da Democracia do Ministério Público Brasileiro, realizado dias 19 e 20 de maio, e a entidade está sendo registrada em Brasília. Entre os objetivos da Federação estão lutar por melhorias nas condições de trabalho dos servidores, a defesa da autonomia da representação sindical e da democratização das instituições, por meio da participação dos trabalhadores na escolha dos gestores, entre outros. Durante o encontro no Maranhão também foi aprovado o Estatuto e eleita a primeira equipe de gestão da nova entidade.

Até o momento integram a FENAMP 12 sindicatos (SIMPE/RS, SIMPE/SC, SINDIMP/PR, SINDSEMP/BA, SINSEMPECE/CE, SINDSEMP/GO, SINDSEMP/MA, SINDSEMP/RN, SINDSEMP/PB, SISEMPPA/PA, SINDSEMP/SP e SINDSEMPPE/PE). A expectativa é que até o final deste ano novas entidade somem ao conjunto, totalizando mais de 20.

Assessoria de Comunicação

Últimas

MT – MPE revoga demissão de ex-sindicalista que foi exonerado na gestão de Prado

O Ministério Público Estadual (MPE) revogou a demissão do servidor João Guilherme de Oliveira Vicente Ferreira, ex-presidente do Sindicato dos Servidores do Ministério Público do Estado de Mato Grosso (Sindsemp-MT). Ferreira havia sido demitido por se ausentar do cargo por um ano supostamente sem autorização administrativa da Procuradoria-Geral de Justiça (PGJ), enquanto tinha atuação sindical.

Nota de Repúdio — Aprovação da PEC 186/19

A Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público (Servir Brasil) repudia a iniciativa do governo federal de acelerar a articulação no Congresso Nacional visando à aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 186/19. A PEC 186/19 institui mecanismos de ajustes fiscais para reduzir gastos públicos, incluindo a redução de jornada de trabalho e…

RJ – Presidente da Assemperj e membros do FOSPERJ são nomeados para o Conselho Fiscal do RIOPREVIDÊNCIA

O governador em exercício do Estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, publicou um decreto no Diário Oficial de ontem (13/01/21), nomeando os membros do Conselho Fiscal do Fundo Único de Previdência Social – RIOPREVIDÊNCIA.

Não incide contribuição social sobre o terço constitucional de férias para os servidores públicos

Recentemente, o Supremo Tribunal Federal julgou o recurso extraordinário nº 1.072.485, da relatoria do Ministro Marco Aurélio, que gerou o tema de repercussão geral nº 985, ementado como: "É legítima a incidência de contribuição social sobre o valor satisfeito a título de terço constitucional de férias.

Mais Lidas

Você tambám vai se interessarRelacionado
Para você